Codenames é um card game bastante divertido onde duas equipas de espiões competem para tentar descobrir em primeiro todos os seus agentes secretos. A sua única hipótese de sucesso é conseguir interpretar as pistas dadas pelo Chefe de Espionagem de cada equipa e assim encontrar o nome de código de cada operativo.

O tabuleiro de jogo consiste numa grelha de 5 x 5 de cartas que têm uma única palavra. Cada uma destas palavras é um potencial nome de código de um agente secreto. Os únicos que sabem a verdadeira localização destes são os dois Chefes de Espionagem (um de cada equipa), escolhidos por cada equipa em cada nova partida. Ambos os Chefes vão ter o dever de olhar para a carta que indica a localização dos vários agentes, comparar a disposição com a grelha de palavras formadas, e fornecer a cada turno uma única pista à sua equipa. Essa pista só pode ser uma única palavra relacionada com os nomes de códigos de um ou mais agentes (e que tem de ser diferente das existentes no tabuleiro), e a indicação de quantos agentes estão relacionados a ela. Por exemplo, se o Chefe da Equipa vermelha vê que dois dos seus agentes têm o nome de código Turkey e Eagle, ele poderá dizer “Pássaros 2”, indicando assim que existem dois agentes cujo nome de código está relacionado com a pista “pássaros”.

Cabe depois aos elementos de cada equipa tentar perceber a que se refere o seu Chefe e indicar o nome de código de um agente da sua própria equipa. Se conseguirem, podem continuar a indicar mais nomes de códigos que achem pertencer a elementos da sua equipa. Se escolherem um nome de código pertencente a um agente de outra equipa, esse agente é revelado e passa o turno para a outra equipa (que vai já começar em vantagem por já ter um dos seus agentes revelados). Se escolhe um nome de código que não pertence a ninguém, a equipa depara-se com um civil e passa simplesmente o turno. Mas pode acontecer que a equipa escolhe o nome de código de um assassino e quando isso acontece, a equipa perde imediatamente.

Componentes de Codenames

Codenames consegue assim ser um jogo bastante interactivo e que requer boa percepção das palavras em jogo, um bom raciocínio lógico e bastante cuidado na escolha das palavras. Cada partida de Codenames é rápida e bastante divertida principalmente quando há dificuldade em perceber as pistas dadas pelos Chefes de Espionagem e se vê a equipa a discutir raciocínios rebuscados, confusos ou simplesmente fora do que o Chefe pretendia.

 

Número de jogadores: 2 a 8

Número ideal de jogadores: 6 a 8

Duração de uma partida: 15 minutos

Complexidade: Codenames é um jogo simples e divertido, ideal para grupos grandes e para quem não jogue muitos boardgames nem queira jogar algo complexo.

Replayability: Codenames tem centenas de cartas de palavras e cerca de 40 cartas diferentes de disposição dos agentes secretos. Assim é praticamente impossível ter uma partida igual às anteriores. Visto ser um jogo rápido, pode e deve ser jogador várias vezes de seguida, pelo menos até cada pessoa ter sido Chefe de Espionagem de uma equipa.

Avaliação pessoal: 7,8/10