Istanbul

Istanbul é um fantástico jogo onde cada um toma controlo de um mercador que tenta ser o primeiro a adquirir 5 ou 6 rubis. Para tal, tem de navegar as ruas e ruelas de Istanbul, percorrendo os vários locais e trabalhando contactos para adquirir os recursos que lhe permitem obter estas pedras preciosas.

Neste jogo, temos um cenário composto por telhas de localização, dispostas numa grelha de 4×4, que podem ser colocadas numa ordem específica ou aleatoriamente (dependendo do nível de dificuldade pretendido). Cada telha representa uma localização especial onde poderemos realizar uma acção específica: desde adquirir recursos como frutas exóticas, especiarias ou tecido nos armazéns preenchendo a nossa carruagem até ao máximo que esta permite com esse recurso, adquirir dinheiro e alguns recursos no posto de correio, ganhar dinheiro vendendo recursos nos mercados ou na casa de apostas, tentar adquirir joalharia no mercado negro, ou adquirir habilidades especiais nos palácios. Algumas dessas casas fornecem ainda rubis se preenchermos alguns requisitos (como ter um par de habilidades ou já ter aumentado por completo a nossa carruagem de transporte de recursos) ou se pagarmos recursos / dinheiro por eles. E claro, a indispensável casa que nos permite pagar para ampliar a carruagem, pois sem estas ampliações torna-se muito difícil conseguir adquirir recursos suficientes para conseguirmos ganhar.

Mas como mercadores, não nos cabe a nós fazer o trabalho árduo. Em vez disso, temos apenas os contactos na cidade de Istanbul e são os nossos ajudantes que trabalham esses contactos e adquirem os recursos que precisamos. Cada jogador começa com 4 ajudantes e por turno poderá mover-se até duas casas. Depois de terminar o movimento, terá de deixar um dos seus ajudantes nessa casa e resolver a acção dela (se terminar numa casa onde já tem um ajudante, este é recolhido e a acção é feita à mesma).

Eventualmente ficamos sem ajudantes para fazer acções e é aí que teremos ou de voltar para trás, para recolher um ou mais, ou voltar para a casa da ‘Fonte’ que nos permite recolher todos os ajudantes dispersados no mapa pois sem eles não pudemos fazer nada.

Tabuleiro e componentes de Istanbul

Em Istanbul teremos também outras ajudas essenciais. Por exemplo, uma das habilidades é fornecer um quinto ‘ajudante’, enquanto outra permite recolher um ajudante de qualquer ponto do mapa pagando duas moedas. E poderemos sempre ir libertar o ‘primo mau’ da família da prisão, enviando-o para qualquer outra casa como se fosse um ajudante (ideal se for para enviar para uma casa longe do nosso alcance). Temos ainda acesso a cartas bónus, cujos efeitos são todos bons (como dar dinheiro, um recurso à escolha, afectar o nosso movimento, puder repetir a acção de uma casa duas vezes, etc), e poderemos ainda encontrar o governador que nos fornece uma carta bónus por duas moedas ou trocando-a por outra carta bónus e o contrabandista que nos fornece um recurso por duas moedas ou trocando-o por outro recurso. E se encontrarmos o ‘primo’ de outro mercador, pudemos envia-lo de volta para a prisão recebendo uma recompensa de 3 moedas ou uma carta bónus.

Este é um jogo onde cada um faz o seu jogo sem grande influência por parte dos restantes. Tirando o facto de a aquisição de rubis e habilidades ficar mais cara cada vez que alguém adquire um/uma, a única outra maneira de afectar o jogo de outros é a de terminar o movimento em casas onde existem outros mercadores (não ajudantes, mercadores mesmo), tendo de pagar duas moedas a cada um que esteja lá (com a excepção da Fonte). Embora não pareça muito, por vezes pagar duas moedas pode ser a diferença entre ter de gastar mais um ou 2 turnos, ao mesmo tempo que se está depois a ajudar o outro jogador ao dar-lhe mais dinheiro.

REVIEW GERAL
Avaliação Pessoal
8.5
Avatar
Engenheiro de profissão e gamer por gosto, João Paulo adora boardgames, RPGs de mesa e computador, RTS e shooters e olha para jogos para uma excelente forma de arte, transmitir emoções e contar histórias fenomenais.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.