Pandemic é um jogo cooperativo vs tabuleiro, publicado pela Z-Man Games, onde 4 doenças e vírus ameaçam espalhar-se pelo mundo criando pandemias difíceis de controlar. Os jogadores tomam controlo de uma equipa de personagens contratada pelo CDC em Atlanta (Center for Disease Control), altamente especializadas para combater essas mesmas doenças e vírus. Cada jogador controla uma única personagem dotada de habilidades especiais e em conjunto com os restantes jogadores deverá tentar encontrar a cura para as doenças e vírus que afligem o mundo antes que estas se espalhem demasiado ou antes do tempo limite acabar.

Este jogo decorre por turnos, com o tabuleiro a puder reagir no final do turno de cada jogador. Por ordem, no sentido dos ponteiros do relógio, cada jogador poderá fazer um total de 4 acções, que podem ser limpar doenças (representadas por cubos de cor preta, azul, vermelha ou amarela) da cidade onde se está, mover para uma cidade adjacente, passar 1 carta de cidade a outro que esteja na mesma cidade, encontrar a cura para uma doença (desde que se esteja num Centro de Pesquisa), construir um Centro de Pesquisa gastando cartas de cidade, ou viajar para outra cidade do mundo gastando cartas. No final do turno, o jogador deverá posteriormente adquirir 2 cartas do baralho de jogo, o recurso essencial dos jogadores pois são essas cartas que permitem vão permitir fazer acções especiais ou encontrar a cura para as doenças (de base são necessárias um total de 5 cartas iguais da mesma cor da doença a curar). Mas é também nesse baralho que se encontram as cartas de Epidemia que podem aumentar a velocidade de propagação das doenças e vírus. Após se adquirir cartas do baralho procede-se à compra de cartas de infecção (que podem ser entre 2 a 4) e são estas que vão decidir qual a próxima cidade a ser infectada, entrando assim mais cubos de doença/vírus para o tabuleiro.

Na sua essência parece fácil, contudo o jogo tem inúmeras maneiras de derrotar os jogadores. Se o baralho de jogo acabar antes de todas as doenças terem sido curadas, então significa que o tempo acabou e os jogadores perderam. Se os jogadores não conseguem controlar a propagação de doenças, eles são derrotados por terem de colocar cubos e não conseguirem, logo é importante ir removendo cubos de doença do tabuleiro. E se não tiverem cuidado podem ainda ocorrer os ‘surtos’, sempre que se tiver de colocar um 4º cubo de doença da mesma cor numa cidade, que fazem essa cidade espalhar mais cubos de doença para as cidades adjacentes (podendo mesmo levar a ‘surtos em cadeia’). Se ocorrerem 8 surtos, os jogadores também perdem o jogo, com as pandemias a tornarem-se impossíveis de controlar.

Pandemic é um jogo que está bastante bem equilibrado entre dificuldade, possibilidades e necessidade de estratégia. Sem boa coordenação entre as personagens e as suas habilidades, é quase impossível ganhar mas ao mesmo tempo qualquer estratégia pode ser facilmente desfeita com a compra de cartas de Epidemia e com as cidades que são infectadas no final de cada turno. E a troca de cartas entre jogadores que estejam na mesma cidade é essencial, já que o baralho de jogo é pequeno e é difícil conseguir as 5 cartas necessárias para curar uma doença, mas ao mesmo tempo vai ser necessário os jogadores separarem-se e viajarem pelo mundo para aliviar a pressão que as constantes infecções colocam. O uso de cartas especiais ou cartas de cidade para voar também tem de ser bem planeado ou arrisca-se a perder um recurso valioso sem grande efeito. Os jogadores precisam também de estar sempre com atenção ao que está a ser feito, para estar a par do que está a ser feito e precisa de ser feito, para ver como reage o tabuleiro infectando cidades e também para ter atenção a que cidades arriscam um sofrer de um surto.

 

Pandemic Legacy

Pandemic Legacy, tabuleiro e componentes

Existe a versão Legacy de Pandemic. Tal como acontece com Risk Legacy, esta versão permite um número limitado de jogos mas torna-se bem mais emocionante, e difícil, por sofrer de adições e alterações de regras à medida que se joga. Em Pandemic Legacy os jogadores começam a jogar com todas as regras normais de Pandemic mas rapidamente vêem o mundo a alterar à medida que a história e a linha de tempo avança. E as mudanças nas regras são bastante significativas, podendo melhorar personagens com habilidades novas, aplicar mutações às doenças, meter cidades inteiras em quarentena, etc. Essas mudanças podem mesmo dizer para destruir cartas de jogo ou alterar o tabuleiro com autocolantes. No final fica-se com uma versão completamente única de Pandemic que pode continuar a ser jogada normalmente se assim desejarem. Pandemic Legacy teve um sucesso grande e já há expansões a serem pensadas por fãs e até kits que permitem fazer um ‘reset’ ao jogo e recomeça-lo novamente.

 

Fácil de aprender e com uma duração de aproximadamente 1 hora por partida, Pandemic é ideal para quem queira um bom e desafiante jogo cooperativo sem cair no exagero de se perder mais vezes que se ganha. Vencedor de vários prémios, este é um dos jogos que se deve jogar pelo menos uma vez. E quem quiser um desafio ainda maior, aconselho vivamente Pandemic Legacy.

 

Número de jogadores: 2 a 4

Número ideal de jogadores: 4

Duração de uma partida: Entre 45 a 60 minutos

Complexidade: Pandemic é bastante fácil de aprender as regras e só precisa de haver um jogador que já tenha alguma experiência para conseguir delinear boas estratégias para o jogo. É um jogo ideal para novos jogadores que queiram passar de jogos mais simples para algo mais desafiante e com maior dificuldade.

Replayability: Embora Pandemic seja um excelente e interessante jogo, pode tornar-se repetitivo muito rapidamente. Nenhuma partida é igual ao anterior, é verdade, mas os elementos do jogo são limitados o suficiente para garantir que quem tenha experiência ganha quase sempre sem grande dificuldade. E visto o baralho ser pequeno, não há muita variedade nas cartas a usar nem nas estratégias. Isto torna Pandemic num dos jogos que se pode jogar muito quando é novidade, mas que rapidamente se torna num jogo em que se pega ocasionalmente. As expansões ajudam imenso a corrigir este problema, introduzindo mecânicas e personagens novas e interessantes que tornam as partidas mais variáveis e únicas.

Avaliação pessoal: 8/10 a versão normal, 9/10 a versão Pandemic Legacy